O Observatório da Sociedade Civil, projeto da Abong – Organizações em Defesa de Direitos e Bens Comuns que atua para construir um ambiente cada vez mais favorável à atuação das Organizações da Sociedade Civil (OSCs), ampliando os espaços de mobilização e participação social e fortalecendo a democracia brasileira, fez uma interessante análise sobre a pesquisa realizada em 2013 pela Fundação Getúlio Vargas sobre As Organizações da Sociedade Civil e suas parcerias com o Governo Federal que resultou no Mapa das OSCs, desenvolvido pela Wiiglo. Nesta análise, o autor descreve a sua percepção ao utilizar a ferramenta, evidenciando as suas características de ser uma plataforma intuitiva e prática.

“A pesquisa utilizou dados de diversos ministérios, agregando conhecimentos sobre vínculos, acesso a fundos e recursos públicos federais e participação em conselhos nacionais de políticas públicas. A versão beta do Mapa já está no ar. O projeto foi desenvolvido pela FGV e pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada – IPEA. Navegando, é possível acessar de forma simples e didática informações quanti e qualitativas sobre o campo social no Brasil.”

De acordo com Laís de Figueiredo Lopes, assessora especial do ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República e uma das supervisoras de desenvolvimento do projeto, a ideia de reunir informações sobre organizações da sociedade civil existentes em bases de dados do Governo Federal em uma plataforma eletrônica georeferenciada é uma estratégia inovadora para gerar mais conhecimentos sobre o universo das organizações.

O Mapa das OSCs está atualmente sob a coordenação do IPEA e vem sendo aprimorado para transformar este retrato do universo das OSCs no Brasil em uma plataforma dinâmica, através da automatização de processos de carga de dados, agregação de novos dados e inclusão de novas funcionalidades, tornando o mapa mais dinâmico e colaborativo.

O artigo completo encontra-se em: https://observatoriosc.wordpress.com/2015/02/06/mapa-das-organizacoes-da-sociedade-civil-aponta-caracteristicas-de-entidades-brasileiras/